quinta-feira, 21 de setembro de 2017

A imagem


O artista britânico Roger Hiorns: 'The point is to shake things up a bit'. Um homem nu que já esteve na shortlist do Turner Prize.

Burberry


A Burberry fechou o segundo dia da Semana de Moda de Londres com as suas propostas de Outono-Inverno 2017/18 num esquema see-now buy-now. Christopher Bailey, o director criativo da marca, mostrou uma colecção cheia de tendências como transparência, rosa millennial e oversize. Sobreposições de vestidos, ora com camiseta, ora com jaqueta. Gosto muito do estilo. Das misturas.

Vamos fingir


"Vamos fingir que não há uma tempestade de ameaças à Europa - que os bancos centrais devem ignorar este perigo. Vamos fingir que esta é uma recuperação económica robusta, embora, na realidade, seja muito vulnerável à direcção global. Vamos fingir que o euro é forte porque os mercados acordaram de repente para a força oculta do Milagre económico europeu, ignorando a probabilidade de o euro subir como um reflexo da fraqueza do dólar e das expectativas do fim da fase do Euro ZIRP. Vamos fingir que o mundo adora os mercados de acções europeus (ignorando a burocracia enraizada, os problemas trabalhistas e os mercados incestuosos, etc.) e ignoram a provável realidade. Os stocks europeus estavam brevemente em voga apenas porque estávamos cansados ​​demais e vazios de ideias para justificar novos ganhos nos mercados dos EUA ... Vamos ignorar completamente o facto de que o fim da estabilização e do gestão de crises - ou seja, o fim da QE - simplesmente desencadeará a próxima crise. O que é provavelmente para destacar a falta de capacidade da dívida da Itália! O BCE continuará a bombear grandes quantidades de liquidez no sistema bancário europeu, os bancos poderão superar o efeito limitado do BCE retirando a sua liquidez. Não é um mau pensamento - o BCE continua a distorcer os mercados por procuração ..Espero que Draghi diga algo sobre "vigilância contínua" quando fala.. Enquanto isso, leio que a Grécia está considerando uma troca de pequenos títulos ilíquidos num número menor de benchmarks mais líquidos. Acumulará as suas reservas antes da saída de resgate no próximo ano e enviará sinais aos mercados sobre uma capacidade contínua de aumentar a dívida para atender a sua dívida. Mesmo? Preciso de verificar quais os links que eles estão pensando em se livrar. Alguns títulos gregos permanecem mais iguais que outros. A questão grega continua a ser uma das diferenças entre o que os políticos domésticos, o BCE e o FMI falam sobre a sustentabilidade da dívida grega - e a realidade brutal (os mercados estão bem cientes) são as chances de a Grécia sair do resgate no próximo ano. Que sinal maravilhoso do sucesso pan-europeu se um país que eles colocaram de joelhos para reconstruir a sua economia pode ficar com os dois pés de novo. Em Bruxelas será registado nas histórias financeiras do Euro: "Para salvar o seu país, tivemos que destruí-lo ... "  (Bill Blain-Mint Partners)

É possivel

Washington Examiner‏Conta verificada
@dcexaminer
Seguir
Mais
James Clapper: "It's possible" that Trump's voice was picked up by Manafort wiretap http://washex.am/2fCFrZ3. O ex-director da CIA James Clapper, sugeriu ontem que "é possível" que a voz do presidente Trump fosse apanhada numa discussão eletrócnica enquanto falava com seu ex-gerente de campanha, Paul Manafort. "É certamente concebível", disse Clapper na CNN. Em Março, Trump afirmou que tinha sido escutado pela administração Obama. No entanto, o Ministério da Justiça reconheceu no início deste mês que não tinha provas de nenhuma tentativa de escutas na Trump Tower durante a campanha de 2016.

Tensão na Espanha

Como sinal da crescente hostilidade e das intenções de Madrid de fazer tudo o que é necessário para bloquear uma votação na Catalunha, a Bloomberg assinala que a Espanha contratou navios de cruzeiro especificamente para montar uma força maciça de 16 mil policiais num porto catalão. A Espanha contratou discretamente navios de cruzeiro como o Rhapsody para ancorar no Porto de Barcelona como habitação temporária para possivelmente milhares de policiai anti-distúrbios especialmente implantados para manter ordem e ajudar a suprimir um referendo de independência ilegal. Mas o governo catalão diz que pode realizar o referendo e recentemente anunciou que havia armazenado cerca de 6.000 cédulas num local secreto. Os líderes separatistas acusaram Rajoy de mergulhar a Catalunha num estado de emergência.
"Vivimos ahora un golpe posmoderno muy similar. El actual Tejero se llama Puigdemont y también ha surgido de la nada, pero a diferencia del coronel este golpista se muere por aparecer en la radio, la televisión, la prensa, y sobre todo (lo más infantil) las llamadas redes sociales. De hecho, el golpe lo está dando en el mundo inmaterial y compite con Rajoy en audiencia, hora punta, publicidad, seguidores telemáticos y fotografías en la prensa extranjera. Como Kim Jong-un, ha dado orden de que todos sonrían a la cámara". (Félix de Azúa, intelectual catalão)

Edward Snowden‏Conta verificada @Snowden  3 hHá 3 horas
Mais
Edward Snowden retweetou Edward Snowden
The right of self-determination—for people to freely decide their own system of government—cannot simply be outlawed. It is a human right.

Julian Assange  🔹‏ @JulianAssange  3 hHá 3 horas
Mais
 "Sala-i-Martin, Rahola i Assange carreguen contra el director d''El Periódico'" http://www.elnacional.cat/ca/politica/mossos-cia-el-periodico-sala-martin-rahola_193704_102.html … #1Oct
Julian Assange  🔹‏ @JulianAssange  4 hHá 4 horas
Mais
 Why Catalan crisis was inevitable:
1. EU, Euro, Internet, Schengen, transnationals weakened Spain's walls
2. No negotiation w/ Cat to adapt

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

Obama em Wal Street


Obama Goes From White House to Wall Street in Less Than One Year. "Hillary Clinton diz que cometeu um erro quando fez discursos pagos em Wall Street depois de deixar o governo. Tirando dinheiro dos bancos, ela escreve no seu novo livro de memórias, criou a impressão de que estava no bolso. Seu antigo chefe não parece compartilhar sua preocupação. No mês passado, pouco antes do livro "What Happened" ter sido publicado, Barack Obama falou em Nova Iorque para clientes da Northern Trust Corp. por cerca de 400.000 dólares. Na semana passada, ele relembrou sobre a Casa Branca no Carlyle Group LP , uma das maiores empresas de private equity do mundo, de acordo com duas pessoas que estavam lá. Na próxima semana, dará uma palestra na conferência de saúde da Cantor Fitzgerald LP. Obama está chegando a Wall Street menos de um ano depois de deixar a Casa Branca, seguindo um caminho bem pisado e bem pago. Como não pode concorrer à presidência, ele continua a ser uma voz influente num partido dividido entre celebrar e vilipendiar o poder corporativo. Seu novo trabalho com os bancos pode sugerir qual o lado do debate em que ele estará e decepcionar alguém esperando que ele evite uma armadilha que atrapalhou Clinton. Ou, como alguns de seus amigos executivos vêem, ele é apenas um cidadão privado, fazendo alguns discursos pagos". ( Max Abelson- Bloomberg)

Credence Clearwater


domingo, 17 de setembro de 2017

Brian Eno


A imagem


A filha de Cindy Crawford e Rande Gerber chamou as atenções no desfile do designer Marc Jacobs na Semana da Moda de Nova Iorque. Os famosos e bonitos pais, a top-model dos anos oitenta e o empresário de restauração e entretenimento que também foi modelo, estavam lá para apoiar jovem Kaia de 16 anos.

Morto a tiro

Carlos Muñoz Portal, o assistente de produção de Narcos, foi morto a tiro quando procurava lugares de filmagem para a próxima temporada da série da Netflix. Segundo o jornal The Guardian, o corpo foi encontrado no seu carro numa área rural violenta. Com 37 anos, já tinha trabalhado em filmes e televisão dos Estados Unidos, incluindo Man on Fire e Apocalypto. "Os factos ainda são desconhecidos, pois as autoridades continuam a investigar o que aconteceu", disse a Netflix num comunicado. Narcos conta a história do famoso chefe de cocaína Pablo Escobar e dos cartéis que fazem milhões no comércio de drogas. Um amigo da vítima, que desejou permanecer anónimo, também disse ao El Pais que o seu aparecimento no nordeste do estado do México, pode ter sido motivo de alarme entre os locais. "Talvez pensassem que ele estava colectando informações e começaram a segui-lo num carro". De acordo com a Sky News, houve 2.186 assassinatos registados no México só em Maio.

Flores em Toronto

Entre as curtas apresentadas no programa Wavelenghts do Festival de Cinema de Toronto, destaca-se Flores que já passou em estreia nacional no Indie de Lisboa. As hortênsias que floresceram nos Açores desde que a planta foi introduzida lá tornaram-se uma praga. Destruíram a flora nativa, apoderaram-se das estradas e das casas, tomaram por completo as nove ilhas e obrigaram à evacuação de todos os seus habitantes para o Continente. No mundo do português Jorge Jácome, as flores dominam completamente as ilhas, expulsando a maioria das outras vidas. Isso constitui o pano de fundo de uma ficção científica onde há dois soldados destacados "numa missão" de controlo da praga da flores. Uma metáfora da beleza e do perigo.

Estado Islâmico

A agência de notícias Amaq do Estado Islâmico divulgou uma infografia relativa a ataques recentes no Reino Unido, incluindo a explosão no Metro de Londres em 15 de Setembro, reivindicando uma contagem total de vítimas de 33 mortos e 248 feridos. Num comunicado formal sobre o ataque suicida de quatro homens numa base militar americana no norte do Iraque, o ISIS reivindicou a sua destruição total e diz ter morto matou e ferido um certo "número" de forças inimigas. Noutro artigo também afirmou ter morto 28 xiitas, incluindo civis e forças militares, num ataque suicida de dois homens na cidade iraquiana de Muqdadiyah.

Radiohead


Profetas


"Lo malo de ser una Casandra es que siempre llevas razón. Sobre el asunto catalán un puñado de casandras, a cuyo frente se encuentra el superhéroe Fernando Savater, hemos abrumado a los lectores de diarios advirtiendo una y otra vez en los últimos 10 años sobre lo que se avecinaba. Recibimos la rechifla de los socialistas listillos, el escarnio del fascio catalán, alguna agresión labriega, y, lo más chusco, la fuga de los políticos del Gobierno en cuanto alguna Casandra daba su opinión en un acto al que no había sido invitada. También, claro, el matonismo de los falangistas de Podemos, cariñosos peluches de cama de Puigdemont" (Felix de Azua, doutorado em Filosofia e catedrático de Estética.

Intelectuais contra o referendo

Cerca de um milhar de artistas e intelectuais que, na sua maioria se definem como "de esquerdas" subscreveram um manifesto recusando participar na "fraude antidemocrática" do referendo sobre a separação da Catalunha de Espanha que o governo da Generalitat pretende celebrar no dia 1 de Outubro. Entre os subscritores que afirmam ser "de variadas ideologias e de distintas culturas políticas", destacam-se personalidades catalãs como a cineasta Isabel Coixet, Javier Marías, Rosa María Sardá, Joaquín Oristrell, Javier Mariscal, Juan Marsé o Jordi Grau como do resto de Espanha. . Também se distinguem os escritores Javier Cercas, Javier Marías, Juan José Millás, Rosa Montero, Manuel Rico, Ignacio Martínez de Pisón, os cineastas Pedro Almodóvar, Fernando Colomo, José Luis Guerín, o cantor Miguel Ríos e a actriz Marisa Paredes, entre outros.

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Pressão da CIA

A Universidade de Harvard voltou atrás com o anúncio de uma Bolsa Visitante para Chelsea Manning que tinha sido convidada para discutir questões de identidade LGBT nas Forças Armadas. Conhecida como a fonte dos documentos publicados na Wikileaks que expuseram os supostos crimes de guerra dos Estados Unidos, depois de estar numa prisão militar, Manning saiu como uma mulher transgénico. A universidade revogou dramaticamente o convite ao ex soldado, após ter sido pressionada por Michael Pompeo, o actual director da CIA. "Depois do anúncio de Harvard do traidor norte-americano Chelsea Manning como membro visitante do Instituto de Política, a minha consciência e o meu dever para os homens e mulheres da CIA não me permitirá trair a sua confiança ao parecer apoiar a decisão de Harvard. A senhora Manning está contra tudo o que os homens e as mulheres valentes que eu sirvo representam. Deixe-me ser claro, isso não tem nada a ver com a sua identidade como pessoa transgénico. Tem tudo a ver com a sua identidade como traidor aos Estados Unidos da América e a minha lealdade aos oficiais da CIA", afirmou. Michael Morell, o ex-director interino da Agência Central de Inteligência, amigo de Hillary Clinton, também renunciou à sua irmandade em Harvard em protesto. Chase Santiago da ACLU descreveu a decisão de Harvard como "cobarde" e "um testemunho do controlo perturbador que a CIA tem sobre a universidade".

 Edward Snowden‏Conta verificada @Snowden  2 hHá 2 horas
Mais
Edward Snowden retweetou HarvardKennedySchool
#Harvard, which invited CIA men who directed and defended torture and extrajudicial killings, blocks whistleblower for fear of "controversy.

Tributo a Yoko Ono

Kim Gordon, de 64 anos, juntamente com Lizzi Bougatsos da Gang Gang Dance e Moor Mother vai actuar num concerto de homenagem a Yoko Ono em Washington que acontecerá ao ar livre na praça do Hirshhorn Museum and The Sculpture Garden no domingo. Colaborou com Yoko Ono em 2012, quando a banda Sonic Youth, fez o álbum "Yokokimthurston".

Anna Maria Maiolino

Aos 75 anos, a artista italo-brasileira Anna Maria Maiolino, que vive em São Paulo, está tendo um momento de carreira tardia nos Estados Unidos. Em Los Angeles é o tema de uma retrospectiva no Museu de Arte Contemporânea e o seu trabalho também pode ser visto numa exposição do Museu Hammer com o título de "Mulheres Radicais: Arte Latino-Americana, 1960-1985". Na cidade de Nova Iorque, Maiolino surge actualmente incluída na exposição "Delirious: Art at the limit of reason 1950-80" no museu Met Breuer. Ainda este mês o seu trabalho vai estar na Bienal de Lyon. Há, portanto, um enorme interesse pelo conceptualista brasileiro. O trabalho de Maiolino incorpora uma vasta gama de meios e técnicas, incluindo filmes, fotografia, desenho, poesia, som e escultura, e até mesmo vidro soprado manualmente na série "Emanados" (2007). Em 1994, para uma série anterior chamada "Terra Modelada", começou a utilizar argila não cozida, o material com que produziu algumas das suas obras mais inesquecíveis. Na Documenta Kassel, em 2012, encheu as superfícies de uma casa com fragmentos de argila numa espécie de ritual.

Rachel Rose

Gavin Brown apresenta no seu espaço do Harlem um vídeo de Rachel Rose com o título de Lake Valley. Só que o horário não é habitual. Estará aberta durante a noite das 18 às 6 horas, de terça a sábado, o que significa que os visitantes podem visitar a mostra depois do trabalho ou no início da manhã. O vídeo com oito minutos e meio, e que já esteve no Pavilhão Central da Bienal de Veneza, adopta o estilo das animações infantis do século XIX e há um coelho que navega por um mundo solitário ao longo de um único dia. Um animal de estimação está na cozinha de uma cidade suburbana, deixado por seu dono, enquanto leva a filha para a escola. Um cartaz emoldurado sobressai na parede. Um ovo racha para revelar uma gema amarela. Uma menina sonha enquanto flutua alguns metros acima de sua cama. Os fogos de artifício explodem num vórtice rodopiante. Rose, uma artista americana de 30 anos, é conhecida por trabalhos de vídeo criativos e encantadores. Usa filmes, colagens e metragens encontradas. Inventou aquele mundo num subúrbio fictício de Nova Iorque.

Lorde e SZA


Coincidência de ataques

Os canais de língua alemã do Estado pró-Islâmico (IS) distribuíram uma mensagem incitando à violência contra a alternativa para a Alemanha (AfD), um partido político de direita e euro-céptico no país, sugerindo o uso de gasolina e fogo com o hashtag " # . Ainda não reivindicou o atentado de hoje com explosivos numa carruagem do Metro de Londres. Trump twitou sobre o assunto e Teresa May já reagiu. Não gostou. Parece que a maioria dos terroristas envolvidos nestes incidentes já constavam de uma lista.
Hoje, um homem vestido de negro armado com um martelo e gritando "Allahu Akbar" atacou duas mulheres, na cidade francesa de Chalon-sur-Saone, perto de Lyon. A primeira vítima foi atacada ao meio dia e a outra 15 minutos depois num local próximo, informou Le Journal. E, como muitas vezes sucede, de acordo com uma fonte próxima à investigação, "o acto foi realizado por uma pessoa mentalmente instável". Não ficou claro se a "pessoa mentalmente instável" também estava ligada a uma organização terrorista. Após o ataque, a força policial lançou uma vasta busca do agressor, incluindo um helicóptero de baixa velocidade. As duas mulheres estão em estado crítico, uma delas foi atingida na parte de trás da cabeça. Um homem armado com uma faca de assalto atacou um soldado francês junto à estação de Metro de Chatelet em Paris, enquanto louvava Allah e gritava palavras de ordem do Estado Islâmico. Foi preso e ninguém ficou ferido. E agora enfrenta uma série de acusações terroristas. Os ataques ocorrem no mesmo dia em que um dispositivo explosivo improvisado explodiu no Metro de Londres, ferindo pelo menos 22. Serão todos doentes mentais?

John Mclaughlin


What Happened

"A prosa neste livro é tão frágil quanto a mente por trás dela. Observe a falta de um ponto de interrogação no título. Isso indica que este texto não será uma investigação sobre a dinâmica por trás das eleições mais desconcertantes da história americana. Não esqueça essas páginas em busca de uma confissão auto-lacerante ou uma apologia. O livro é uma disputa de dispersão, enfiando alguém que estava no caminho da autora. Desde Bernie Sanders a James Comey. Há, naturalmente, duas maneiras de interpretar os resultados das eleições de 2016 que envolvem os dois candidatos menos apetitosos na história americana. Trump encontrou alguma maneira de derrotar Hillary ou, mais provavelmente, Hillary conseguiu perder contra Trump. Mas a psique de Hillary não pode engolir qualquer um dos cenários. Então, ela se esforça por criar um mistério onde não existe. O resultado foi tão inexplicável, ela argumenta, que deve haver algum mecanismo escondido: hackers russos, preconceito, traição à esquerda, sabotagem do FBI. Clinton convoca uma lista dos possíveis suspeitos: Bernie Sanders, Vladimir Putin, Julian Assange, Jill Stein, New York Times, CNN e James Comey. Infelizmente, Hillary e o seu escritor fantasma não são John LeCarré. Ela não pode criar um fio de cyber espião coerente e plausível,
Hillary Clinton nunca conseguiu esconder o seu desprezo por seus inimigos, reais e imaginados. É uma das razões pelas quais nunca foi um político de sucesso. Ao contrário de Bill, ela é uma mentirosa prolífico, mas sem graça e transparente. Também é provavelmente a figura política mais perversa da América desde Nixon. No entanto, não tinha o genial maquiavelismo de Nixon para a manipulação política. Hillary tem a ameaça no rosto. Nunca escondeu a sua aspiração de poder, o seu desejo de se tornar um criminoso de guerra nas fileiras de seu mentor Henry Kissinger (simbolizado pelos louros de um Prémio Nobel da Paz, naturalmente). Os americanos não se importam com os políticos com uma luxúria para derramar sangue, mas eles preferem que eles não anunciem isso...." (Jeffrey St. Clair, editor da CounterPunch).

Fim das Páginas Amarelas

O anúncio de que as Páginas Amarelas vão acabar com a sua impressão em Janeiro de 2019 causa alguma nostalgia de um tempo que chegou ao fim. Lançadas em 1966, eram talvez o directório comercial mais conhecido. Quando uma empresa ou serviço era necessário, as Páginas Amarelas eram uma fonte confiável. A versão mais recente vai desde matadouros até ioga, abrangendo tudo, desde taxidermistas até remoção de graffiti. Inevitavelmente, o aumento da Internet levou a um menor interesse por esses artefactos. A magreza comparativa das edições recentes é um testemunho disso. O desaparecimento das Páginas Amarelas na impressão representa a nossa mudança para um mundo on-line e imaterial.

Ansiedade

 "The Globalized Jitters- lutando pela mudança numa época ansiosa" é um artigo muito interessante da escritora e jornalista britânica Laurie Penny. Diz que a doença desta época é a ansiedade. "Quase um em cada cinco adultos americanos com mais de treze anos sofre de um transtorno de ansiedade. Depressão, ansiedade e distúrbios relacionados aumentaram na década desde o acidente financeiro". Como contraponto refere a Geração X de Douglas Coupland. "A depressão é, ou melhor, foi o efeito dominante nas sociedades que se convenceram de que nada esperavam. Os dias de glória do neoliberalismo produziram uma cultura juvenil descontente e abandonada que desprezava os ideais de segurança e consumismo dos seus pais. Na sua vanguarda estavam punks e poetas cuja raiva se transformou num emaranhado de descontentamento, reverberação e lágrimas desagradáveis. Para os Milénios, o modelo de prosperidade que desagradou as gerações anteriores é um sonho não alcançável. Escolha vida? Escolha uma casa, uma família e um emprego? A maioria de nós só pode sonhar em ter segurança suficiente para se instalar na ideia de ser alienado por ela. Agora com a queda do desastre neoliberal, aconteceu que o mundo que pensávamos ser sólido era tão falso como todos aqueles cantores de indie-rock revestidos a xadrez nos avisaram -Nevermind."

Fashion Week NY

No desfile de Prabal Gurung, vemos a feminista e activista Gloria Steinem pela primeira vez num evento de moda aos 83 anos, com a poeta e artista Cleo Wade e a política Huma Abedinque, a "sombra" de Hillary Clinton, como o Politico uma vez a descreveu.

Coach

 
A inspiração para a Primavera-Verão 2018 da Coach. apresentada na Semana da Moda de Nova Iorque, é arty. Concretamente inspirada em Keith Haring, expoente da pop art. Mas a maneira como Stuart Vevers cita o trabalho do artista é interessante. Em vez das cores berrantes e dos visuais à club kids que sairiam bastante da imagem que o estilista construiu para marca, vemos os traços do artista citados em cores pastel ou com muito brilho. A camisola, convive com as já icónicas jaquetas da marca e com uma profusão de jeans. Símbolos tipicamente americanos como a camisa de cowboy e a jaqueta college seguem em novas versões.

O Establecido

"La globalización, que homologa cuanto toca, hace imposible el alumbramiento de una idea extraordinaria. La originalidad produce miedo económico. ¿Y si no funciona? El apelmazamiento proporciona beneficios innumerables al sistema, pues crea gente apelmazada. Los españoles consumimos cuatro horas diarias de tele, lo que supone un lavado de cerebro colectivo que ni en Corea del Norte, aunque con vaselina. No importa la cadena que veas ni el programa que selecciones. Todas las cadenas son la Cadena y todos los programas son el Programa. Monoteísmo en vena. No hay escapatoria, no hay marcha atrás. Hemos caído en una red tejida con los hilos de acero del pensamiento estándar, donde ya no se concibe otro gusto que el establecido". (Juan José Millás- El País).

Europa Real

Jean-Claude Juncker, famoso pelas palavras lendárias "quando se torna sério, você tem que mentir", apresentou o seu estado da União Europeia. O que é de interesse bastante limitado porque, como no livro "Adults in the Room" de Yanis Varoufakis mais uma vez foi confirmado, Juncker não é senão o fantoche ventríloquo de Angela Merkel. Falou em abundância sobre o quão grande a Europa está fazendo e como isso fornece uma janela para mais Europa, em múltiplas dimensões. Prevê um ministro das Finanças da Europa (o primeiro-ministro holandês Rutte imediatamente desprezou a ideia), e quer ampliar a UE convidando mais países, como Albânia, Montenegro e Sérvia (mas não a Turquia!). Disse coisas negativas sobre o Brexit do Reino Unido, a Polónia, Praga e Hungria que não querem obedecer ao decreto de deixar entrar migrantes e refugiados e, obviamente, sobre Donald Trump. Jean-Claude não parece estar disposto a contemplar, muito menos compreender ou reconhecer, é que a UE é uma união de países soberanos. O significado de "soberania" escapa totalmente a grande parte da multidão pró-UE. E se continuarem assim, quebrará a união em pedaços...A única moeda do euro já está muito perto de violar a soberania. Em algum momento, os políticos em todos esses países terão que dizer aos seus eleitores que estão prestes a render a sua soberania e tornarem-se cidadãos da Merkel Land... O chefe do BCE, Draghi, compra 60 biliões de euros por mês em "activos" e quando a próxima crise vier as pessoas vão exigir a sua soberania de volta. É realmente muito simples....A verdadeira Europa não é a única que Juncker pinta no retrato. A verdadeira Europa é a Grécia. É aí que você pode ver a realidade económica e política. A Grécia não tem nenhuma soberania para falar, apesar de estar garantido na legislação da UE. A realidade política da Europa é sobre o poder bruto. Sobre o rico waterboarding dos pobres...Esta semana, outro capítulo foi adicionado aos anais lúgubres das aventuras gregas na União Europeia. Como os capítulos anteriores, este não resolverá a crise grega, ou mesmo aliviará, só a irá aprofundar ainda mais. Cerca 90% dos gregos não podem comprar nada, muito menos propriedades que adquiridas por estrangeiros muitas vezes investidores institucionais. Ao mesmo tempo, empréstimos ruins, incluindo empréstimos hipotecários, serão descarregados por centavos no dólar para a mesma classe de "investidores". Uma vez que a troika esteja concluída com este capítulo, a Grécia  verá a destruição de capitais. Leilões de propriedade para impulsionar preços de mercado ainda mais baixos... Resumindo: a UE é uma desgraça, moralmente, politicamente e economicamente. Sei que o presidente francês Macron, por um lado, e o movimento DiEM25 de Yanis Varoufakis, por outro, falam sobre a reforma da UE. Mas a UE é a multidão, e você não reforma a multidão." (Criada por Raul Ilargi Meijer através do blogue The Automatic Earth,"

Revistas


quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Vincent Gallo

O excêntrico Vincent Gallo, o bad boy regressou como o novo rosto da campanha Primavera/Verão 18 da Yves Saint Laurent. Posou para a lente de David Sims com a nova colecção de Anthony Vaccarello, director criativo da marca. Desde 2013 que não faz cinema. Director, escritor, produtor, compositor, músico, artista plástico, figurinista e decorador. Não tem agente, assistentes ou estagiários. Faz os seus filmes sem produtores e com equipas extremamente reduzidas. É um dos talentos mais incompreendidos dos últimos 25 anos. Já foi modelo da Calvin Klein e, agora, 25 anos depois surge bem sexy, envergando um blusão negro cintilante.

Corbin Smidzik


Martin Shkreli

 Martin Shkreli, o "homem mais odiado da América" vai para a prisão em Nova Iorque enquanto  espera ser condenado por fraude de títulos. Foi ouvido numa audiência sobre um post no Facebook em que ofereceu pagar 5.000 dólares por um cabelo de Hillary Clinton "com o folículo", chamando-o de "solicitação de assalto". O juiz declarou que a sua postagem não estava protegida pela primeira emenda e que havia um "risco" de alguém poder realmente seguir essa ideia. Shkreli escreveu ao tribunal afirmando que não é "uma pessoa violenta" e pediu desculpa, mas o juiz declarou que ele deve pedir desculpas ao governo, ao Serviço Secreto e a Hillary Clinton. O advogado de defesa, no entanto, argumentou que era simplesmente uma piada insípida. A publicação completa de Shkreli dizia: "A Fundação Clinton está disposta a MATAR para proteger os seus segredos. Então, na tourné do livro do HRC, tentem tirar-lhe um cabelo.

Cruise 2018

O director criativo Alessandro Michele convidou o lendário Mick Rock para fotografar a colecção Cruise 2018 da Gucci. Após o lançamento da campanha de alfaiataria protagonizada por Dapper Dan também foi anunciado que o Harlem bootlegger reabriria o seu estúdio em Nova Iorque graças à marca italiana. Muitas vezes referido como 'The Man Who Shot the Seventies', Rock captou as imagens de músicos da época como Blondie, David Bowie, Queen e muitos outros. A campanha não apresenta nenhuma dessas lendas, mas tem um enorme elenco de pessoas reais. Moradores de Roma, nas suas casas e em espaços públicos.

Catalunha fascista

"Lo malo de ser una Casandra es que siempre llevas razón. Sobre el asunto catalán un puñado de casandras, a cuyo frente se encuentra el superhéroe Fernando Savater, hemos abrumado a los lectores de diarios advirtiendo una y otra vez en los últimos 10 años sobre lo que se avecinaba. Recibimos la rechifla de los socialistas listillos, el escarnio del fascio catalán, alguna agresión labriega, y, lo más chusco, la fuga de los políticos del Gobierno en cuanto alguna Casandra daba su opinión en un acto al que no había sido invitada. También, claro, el matonismo de los falangistas de Podemos, cariñosos peluches de cama de Puigdemont. Sin embargo, para quienes conocíamos la región, era evidente que las profecías se iban a cumplir en cuanto se fundieran las células grises de los nacionalistas con estudios y cuenta corriente. Se fundieron pronto, pero los políticos españoles sólo dieron en pensar que la cosa emputecía cuando tomó el mando la comandancia de Gerona. Aquella provincia es un clon de Guipúzcoa y comparte con ella lo montaraz, la víscera y el arcaísmo. Es gente de religión y trabuco. Se sabe que una solución del incordio sería declarar la independencia de Gerona, a ver si así dejaban en paz al resto de los españoles. Antes sólo odiaban a los de Barcelona ("pixapins", en su elegante jerga), pero ahora han ampliado el negocio. En su notable El roble de Goethe en Buchenwald, escribe José Luis Gómez Toré: "El nazproyecta la imagen de un pueblo que puede, y debe, esculpirse como un bloque de piedra. No importa lo dolorosos que puedan ser los martillazos del escultor". Ya se oyen incluso en Barcelona. Desde que el machaque viene de Gerona a Forcadell se le ha puesto cara de Arias Navarro. Algo debe de estar agonizando". (Felix de Azua, filósofo e escritor catalão).

Ideologia

Micah White PhD‏Conta verificada @beingMicahWhite  12 de set
Mais
 The most ideological are the least revolutionary

Micah White PhD‏Conta verificada @beingMicahWhite  12 de set
Mais Ideology is no longer usesul for revolutionaries.
Micah White foi um dos fundadores de Occupy Wall Street  e autor do livro "The End of Protest".  Não acredita que o protesto mude nada., mas sim a transformação das mentaliaddes. Condordo inteiramente com ele.

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Liam Gallagher


Trader suíço preso

Segunda a Bloomberg, o antigo trader do Banco Suíço UBS foi preso, enquanto visitava os EUA. Andre Flotron foi acusado de conspiração, fraude electrónica, de commodities e spoofing. É a segunda pessoa acusada publicamente na investigação dos Estados Unidos sobre a fixação de preços de ouro, prata, platina e paládio. David Liew, ex-trader do Deutsche Bank AG, em Junho declarou-se culpado de fraude no tribunal federal de Chicago por razões semelhantes. A prisão de Flotron estende o exame do Departamento de Justiça sobre se os comerciantes bancários conspiraram para montar benchmarks de taxas de juros e manipular trocas de moeda.