quarta-feira, 10 de maio de 2017

Spring /Break

Os organizadores da Spring / Break optaram por um espaço multiusos na Downtown de Brooklyn. para receber instalações imersivas de grande dimensão. A dupla Ambre Kelly e Andrew Gori reduziram as apresentações a uma dúzia nesta exposição de arte que convidou artistas e curadores interessados em focar "questões de identidade, propriedade, migrações e deslocamentos". As respostas variam de uma cena subaquática intrincada com os mergulhadores a deslocarem-se em zonas profundas criada por Melissa Godoy-Nieto, a uma explosão louca da luz, construída com acessórios eléctricos e espuma, da autoria de Adela Andea. Também me pareceu interessante a peça do MINT Collective que pretende desconstruir "os gestos de culturas e comunidades desportivas" com a o seu court de basquetebol.

Sem comentários: